terça-feira, janeiro 25, 2011

Um milhão de reais

Um milhão de reais. Esse foi o valor oferecido pelo Governo do Estado à Liga das Escolas de Samba para realização do carnaval. E foi recusado. A Liesa queria 1,5 milhão, 25% do orçamento anual da Secretaria de Cultura, que é de 6 milhões.
A Liesa não aceitou a oferta do Governo e preferiu não fazer o carnaval. Isso tem levado muita gente a algumas reflexões, entre elas a de que chegou a época  do carnaval amapaense se profissionalizar e buscar outras fontes de recurso. Não é possível que um único evento gaste 25 % do orçamento para cultura do estado. Há opções, como patrocínios. Poderia ser usada, por exemplo, a Lei de incentivo fiscal, que já existe, mas não foi colocada em prática.
Além disso, o que é pouco para as escolas de samba, é muito para outras classes artísticas. Um milhão de reais dava para fazer quantas peças de teatro?
Vou dar um exemplo de duas áreas que conheço melhor:
Com 100 mil reais dá para fazer um bom edital de audiovisual, com um curta-metragem de ficção e um documentário.
Com 25 mil reais dá para fazer um ótimo edital de histórias em quadrinhos, incluindo já a publicação das obras escolhidas, preparação, etc.
Dá o que pensar, não  dá? 

1 comentário:

  1. Dá pra financiar tanta coisa bacana na área cultural com 1 milhão de reais... É o fim da picada quererem desperdiçar esse dinheiro todo com Carnaval, a festa mais inútil do mundo.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.