quarta-feira, outubro 12, 2011

Câmara analisa projeto de lei que pune violência contra o professor


A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 267/11, da deputada Cida Borghetti (PP-PR), que estabelece punições para estudantes que desrespeitarem professores ou violarem regras éticas e de comportamento de instituições de ensino. 

Em caso de descumprimento, o estudante infrator ficará sujeito a suspensão e, na hipótese de reincidência grave, encaminhamento à autoridade judiciária competente. 

A proposta muda o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para incluir o respeito aos códigos de ética e de conduta como responsabilidade e dever da criança e do adolescente na condição de estudante.  

Indisciplina
De acordo com a autora, a indisciplina em sala de aula tornou-se algo rotineiro nas escolas brasileiras e o número de casos de violência contra professores aumenta assustadoramente. Ela diz que, além dos episódios de violência física contra os educadores, há casos de agressões verbais, que, em muitos casos, acabam sem punição.

O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
 
Fonte: Blog Falando francamente

Comentário: Minha mãe me contou uma situação que mostra bem a que ponto chegou a total inversão de valores: ela trabalhava em uma creche e foi separar um menino que estava batendo em uma menina. O garoto, de cinco anos, virou para ela e disse: "Não toca em mim, senão eu te denuncio para o Conselho Tutelar". E, segundo ela, muitas professoras estão sendo denunciadas apenas por advertir um aluno que está fazendo algo errado. O resultado disso estamos vendo nas ruas: um aumento geral da violência juvenil e uma geração que acha que pode tudo, que não tem limites, que quer levar vantagem em tudo. Não se trata de voltar aos tempos em que o professor era uma figura assustadora, mas é importante que os alunos saibam que, assim como têm direitos, têm deveres.

Sem comentários:

Enviar um comentário