sábado, janeiro 05, 2013

Rastros de ódio

Assistimos Rastros de ódio, filme de John Ford, de 1956, com John Wayne no papel principal. 
A história é, segundo a Wikipédia, baseada na lendária história da jovem Cynthia Ann Parker, rapitada quando criança e que depois se tornou mãe do líder comanche Quanah Parker. 
O filme conta a história da tentativa de John Wayne e do meio irmão da menina de encontrá-la. 
Rastros de ódio é considerado um dos 10 melhores filmes de todos os tempos e tem qualidade para tal.  Primeiro, a belíssima fotografia e o cuidado de Joh Ford com a composição das cenas. Segundo, a profundidade dos personagens (John Wayne é tridimensional - é o herói, mas tem ódio irracional por índios e, aparentemente, é apaixonado pela esposa do irmão) e a forma ambígua como é mostrado o conflito entre brancos e índios (que não são mostrados como vilões). 
Mas o meu filme predileto de Ford ainda continua sendo No tempo das diligências, com um roteiro muito mais dinâmico e compacto. O fato da história se passar durante vários anos faz com que boa parte do impacto da trama se dilua. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.