terça-feira, maio 14, 2013

Morreu Ray Harryhausen, o mestre do stop motion



Ray Harryhausen, faleceu no dia 7 de maio de 2013, aos 92 anos, em Londres, na Inglaterra. A notícia foi divulgada pela família do artista, no Facebook.
Depois de assistir King Kong, o clássico filme de 1933, Ray se apaixonou pelo cinema e pela técnica de stop motion, do qual se tornaria um dos maiores mestres. Começou sua carreira criando efeitos para filmes B, como O Monstro do Mundo Proibido, de 1949; A 20 Milhões de Milhas da Terra, de 1957; a trilogia Simbad.
Seus filmes mais conhecidos são Jasão e os Argonautas de 1963, com a famosa batalha de esqueletos, e Fúria de Titãs de 1981.
Sem Ray Harryhausen a sessão da tarde nunca seria a mesma. 


Ps: Essa notícia é antiga e não comentei aqui no blog porque foi exatamente no período em que eu estava viajando. Mas não poderia deixar passar em branco. Os filmes de Ray Harryhausen povoaram a minha infancia. Quando eu era criança, a trilogia Simbad passava quase todo mês na sessão da tarde, sinal de que dava muita audiência.  Suas criaturas fantásticas tinham movimentos elegantes e diferenciados. Era tudo tão perfeito que se podia realmente acreditar na existência de monstros, deuses e esqueletos que retornam da morte para travar sua última batalha. A animação por computador pode até ser mais realista, mas não tem o mesmo charme.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.