segunda-feira, abril 10, 2017

Quem era a raposa do deserto?

O general alemão Erwin Rommel era chamado de raposa do deserto por suas vitórias consecutivas no front africano.
Rommel representou uma mudança nos rumos da guerra na região. Antes dele, um terço dos soldados italianos na região já haviam sido capturados. Para ajudar os italianos, Hitler mandou para a região o general e uma divisão panzer que acabou sendo conhecido como African Korps.
Mesmo com poucos recursos, Rommel reverteu os rumos da guerra ao investir em ataques rápidos e de surpresa com blindados. Em abril de 1941, dois meses depois de chegar à África, o general já havia retomado todo o leste da Líbia, obrigando os aliados a recuarem.
Além das ótimas táticas de guerra, Rommel foi auxiliado pelo fato de que boa parte dos soldados aliados havia sido chamada de volta para a Europa.
As condições em que as tropas combatiam eram extremas. A quantidade de insetos era tão grande que tornava-se comum, durante as refeições, comer alguns. Durante o dia a temperatura chegava a incríveis 45 graus, mas durante noite baixava para abaixo de zero.
Em 1942 Rommel parecia ter cometido o seu maior erro quando se instalou num local conhecido como Caldeirão. Parecia um erro porque a região protegia pouco seus soldados, o que fez com que os aliados atacassem com poucos aviões e poucos tanques. Parece ter sido uma estratégia deliberada, pois a raposa do deserto atacou com todas as suas forças e conseguiu reduzir os tanques aliados a apenas 70.
Seu novo objetivo, então, passou a ser a cidade portuária de Tobruk, que acabou conquistada. Foram presos milhares de soldados aliados.
Foi o ponto alto de sua carreira, fazendo com que ele fosse alçado a marechal por Hitler.  
Mas, apesar da vitória, seus homens estavam exaustos e ele foi obrigado a dar-lhes um descanso, o que permitiu que os britânicos trouxessem reforços e cortassem o fluxo de reforços, munição e combustíveis.
Rommel encontrava-se em uma situação difícil, pois só contava com 450 tanques, a maioria equipamentos obsoletos dos italianos. Mesmo assim o general inglês temia atacar.
A investida vitoriosa dos aliados só aconteceria em novembro de 1942, quando Rommel estava na Europa, convalescendo.

Enquanto esteve na África, a raposa do deserto não teve uma única derrota. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.