sábado, maio 20, 2017

O que foi a operação tufão?

A operação foi o ataque a Moscou, resultado de uma mudança de planos por parte de Hitler. Depois de perceber que o cerco a Leningrado não seria tão fácil, ele decidiu que a nova prioridade era Moscou.
A marcha para Moscou começou depois de tomada Kiev, onde os alemães fizeram 600 mil prisioneiros.
A ordem era não aceitar rendições. Os civis poderiam fugir, mas a cidade deveria ser completamente arrasada.
A relação de forças era desigual. Hitler contava com dois milhões de homens e várias divisões panzer. Stalin só contava com 800 mil homens e apenas 25 divisões blindadas operacionais.
O primeiro ataque alemão, em outubro d e1941, pegou os russos de surpresa. 663 mil russos caíram prisioneiros, além de grande número de armas e tanques. Os oficiais alemães começaram a pensar que finalmente a vitória estava garantida. Mas eles não contavam com o maior inimigo de quem tenta invadir a Rússia: o frio.
Após a terceira semana de ataque, as chuvas haviam transformado as estradas em verdadeiros lamaçais que dificultavam o avanço alemão. Com isso, a chegada de tropas e suprimentos foi totalmente interrompida.

As tropas alemães estavam em condições deploráveis, molhadas e exaustas. Os motores congelavam e as armas falhavam. Os alemães, sem roupas adequadas, congelavam de frio. Era necessário ligar constantemente os blindados, para evitar que congelassem, o que provocava um grande gasto de gasolina. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.