terça-feira, maio 02, 2017

Qual era o gás usado nas câmaras de extermínio?

Nas câmeras de gás usava-se o Zyklon B. O nome, em alemão, significa ciclone, o que dá idéia de sua força. Baseado no ácido cianídrico, era usado inicialmente como pesticida, mas logo descobriu-se que ele tinha o inconveniente de envenenar humanos. Na verdade, ele era mais mortal para humanos que para piolhos e pulgas.
Acredita-se que em 1941 os nazistas começaram a usá-lo para assassinato de massa no campo de Auschwitz.
O veneno era fornecido pelas empresas alemãs Degesch e Testa. Os nazistas pediam que o veneno fosse produzido sem odor, para não advertir as vítimas, que muitas vezes achavam que iam tomar banho. Acabavam mortas por envenenamento e sufocamento. Relatos de sobreviventes dizem que muitos se aglomeravam uns sobre os outros nas portas, na tentativa de sair ou ao menos respirar.
O mais irônico é que o gás Zyklon foi criado por um judeu alemão, Fritz Haber. Este era um cientista renomado, ganhador do Nobel de química de 1908 pela descoberta da síntese do amoníaco. Esse composto permitiu a criação de fertilizantes e explosivos sem a necessidade de matéria-prima natural.
Em 1934, com a chegada de Hitler ao poder, Haber fugiu para a Inglaterra, onde lecionou na Universidade de Cambridge até sua morte súbita, ainda naquele ano.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.