quinta-feira, março 09, 2017

O que é o Mein Kampf?

Mein Kampf (Minha Luta) é um livro escrito por Hitler na prisão. Publicado na Alemanha, ele virou um best-seller e chegou a vender 300 mil exemplares antes mesmo da chegada dos nazistas ao poder. No livro ele defende que os judeus foram os responsáveis pela derrota do país na I Guerra Mundial e que  fizeram isso para obter ganhos pessoais. Também os comunistas eram acusados de provocar a inflação que destruía a poder de compra dos alemães.
No livro, Hitler advoga uma aliança entre alemanha, itália e inglaterra visando destruir a união soviética.
O livro recomenda o uso da força bruta como instrumento político: “O único meio de obter uma fácil vitória sobre a razão é o terror e a força”.
Hitler diz que o governante, quando for mentir, deve dizer uma grande mentira, e, quando for falar para a massas, deve tratá-la nivelando por baixo: “Os poderes receptivos das massas são muito limitados e seu entendimento é fraco”.
A linguagem do livro era confusa e de gramática duvidosa. Além disso, palavras como esmagar, força, cruel, terror e ódio permeavam o texto.

O livro foi recebido em outros países como um absurdo, mas criou uma legião de fãs na Alemanha. Atualmente a obra tem interesse apenas para colecionadores e grupos neo-nazistas. 

Sem comentários:

Enviar um comentário