domingo, outubro 06, 2013

Lançamento da 2ª Feira de Livros do Amapá será terça-feira no Palácio do Setentrião


Será na terça-feira, 8, às 9h, no Palácio do Setentrião, o lançamento, pelo governador Camilo Capiberibe, da 2ª Edição da Feira de Livros do Amapá (Flap), que este ano traz o tema "Leitura e Sustentabilidade". Embalada pelo sucesso de público e de crítica em 2012, a Flap apresentará um circuito de literatura e arte que valoriza as populações tradicionais e os monumentos históricos, sem desmerecer a inclusão digital da leitura e o lúdico, presentes nas contações de histórias infanto-juvenis.
A Flap representa não só a expressão da leitura e o florescer da literatura no Estado, como também a inclusão de um público formado por jovens escritores que passa desapercebido pela grande mídia literária, mas que são encontrados nos rabiscos, livretos e nas entrelinhas das conversas dos apaixonados por poesia.
O testemunho do escritor amapaense Franck Siqueira a estudantes, nas viagens da pré-Flap ao interior do Estado, representa a dimensão do alcance da Feira. "Muita gente se perde por aí por besteira, por achar que não tem capacidade de fazer algo legal ou que ninguém o valoriza, muitas vezes o que você escreve muda a vida de alguém. Mudou a minha vida. Muda a tua vida como nós mudamos a nossa", disse.
A pré-Flap iniciou em março deste ano e já passou pelos municípios de Macapá, Santana, Mazagão, Porto Grande, Ferreira Gomes, Pracuúba, Amapá e deve chegar a outras cidades até a abertura da Feira.
O Rufar Literário, dentro da Flap, foi criado especialmente para que escritores amapaenses e convidados possam estar próximos do público juvenil presente nas escolas para celebrar, compartilhar e interagir a sua arte literária.
O período de realização da Flap, de 26 outubro a 1º de novembro, marcará, pelo segundo ano, um movimento único no Amapá de inserção de escritores amapaenses no mercado do livro, do despertar de novos leitores e consumidores estimulados pelo Vale Livro, que este ano contemplará um público maior composto por artistas, professores, servidores e estudantes do ensino médio e superior público do Estado, totalizando um investimento de R$ 150 mil.

Patrona

A homenageada da 2ª Flap é a professora e escritora Lulih Rojanski, militante da leitura e da escrita por quase 30 anos, com três obras publicadas e a participação em seis coletâneas, todas lançadas no Amapá. A mais nova obra da escritora e professora de língua portuguesa e literatura é Abilash, que narra a história de um menino que renasce na Amazônia para plantar a semente da preservação e do amor à vida no coração do homem.
"Espero, com Abilash, reavivar a esperança no coração de todos os leitores", diz a escritora, que atualmente responde pela direção da Biblioteca Pública Estadual Elcy Lacerda, onde mantém o projeto "Era Uma vez", de contação de histórias para o público infanto-juvenil.
 A Feira de Livros do Amapá é uma iniciativa do Governo do Amapá, com o envolvimento direto dos órgãos da administração e segmentos artísticos e literários, que estarão presentes durante os sete dias do evento no corredor literário que vai circular por 14 pontos de Macapá, com concentração na Casa do Artesão.

Sem comentários:

Enviar um comentário