quarta-feira, dezembro 28, 2016

8 livros fundamentais para quem quem quer escrever quadrinhos

Minha ausência é justificável. Além do Garatujas Aleatórias, estou me dedicando a um projeto autoral e inédito para mim: escrever um roteiro para quadrinhos. Uma coisa é usar a língua para transmitir a mensagem; outra é unir texto e imagens para esse mesmo fim. Por isso reuni algumas indicações de livros para beber da melhor fonte. Não li todos ainda, mas qualquer um que queira se meter a roteirista de HQs precisa ler pelo menos dois ou três livros dessa lista abaixo.

Desvendando os quadrinhos, Scott McCloud

Scott McCloud é um dos principais defensores, atualmente, da ideia de que os quadrinhos são uma forma literária. Claro que isso não é novidade, Watchmen, publicado na década de 80, é um exemplo clássico da sofisticação literária da banda desenhada. Em 1993, McCloud destruiu de vez qualquer estigma de 'entretenimento barato' que os quadrinhos ainda poderiam carregar. Desvendando os quadrinhos é o primeiro título de uma trilogia que pode ser considerada um bastião dessa arte. O livro analisa a forma artística e a funcionalidade do formato, define elementos básicos e revela a maneira como a mente processa a linguagem. Além disso, aspectos menos gerais, como a influência do tempo nas histórias, as interações entre quadros e palavras e narrativas também fazem parte do escopo do livro. Como bônus, McCloud faz uma análise do processo criativo. Leia mais 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.